Blog Grid

Revenue Management e Algumas Peculiaridades

Falávamos de (Budget), o gestor fundamentado  Revenue Management projeta estes dados pelo menos cinco anos para frente, isso facilita muito toda uma visão de mercado e adianta possíveis correções, muitas vezes não precisando rever as atuais, pois uma vez que estas foram futuras e vieram sempre sofrendo correções necessárias, pois se o (POA) ficar fechado numa gaveta pode jogar  no lixo todo o seu negócio, ele é feito para ser acompanhado numa gestão consciente pelo menos semanalmente. Com o tempo e esta prática, acabamos tendo variações entre o estimado e o real que vão de 1,5 a 3%.

Empresas há em que esta prática nos leva a variações entre 0,5 e 1,5% – nomeadamente e por experiência os frigoríficos, onde implantei e acompanhei dois anos um sistema de Revenue Management.

Com esta prática implementada, o grande beneficiário seguinte é o departamento comercial, sabemos o que temos o que queremos e onde queremos chegar, como chegar lá é uma questão de dar diretrizes corretas às pessoas envolvidas e assim, incrementar rentabilidade.

Não vamos esquecer aqui que o (Budget) ou previsão futura de receitas e despesas deve ser feita por cada gerente e esta adicionada e compilada numa planilha geral final, ou seja, todo o gerente de departamento tem a sua responsabilidade por igual na gestão de seu respectivo departamento em particular e do empreendimento como um todo.

Num processo de gestão invariavelmente complexo e de resultados relativamente rápidos, todo o nosso movimento vai crescer e isso trazer problemas ou não.Read more

2018 sem mistérios ou especulações

Para 2018 – Qualifique-se

Encontrei um artigo sobre o qual já fiz uma postagem haja vista que a revista que o publicou desta vez faz menção ao original, e me chamou mais uma vez a atenção inicialmente o título “cinco previsões para a hotelaria em 2018” a primeira coisa que me chama a atenção é: só 5? Mas já que foram cinco vamos falar nelas na ordem em que foram colocadas, a primeira é:

# “As diárias no Brasil vão subir em algumas cidades.”

Aos nossos consultados fica o alerta, todas as diárias até aquelas nas cidades com maiores dificuldades de mercado podem subir, e deverão, porém, não se esqueça de lhes agregar valor principalmente com ações que o seu cliente estivesse esperando ou que o possam surpreender positivamente, senão ele vai dizer “Aqui a única coisa que mudou foi o preço” e isso não será positivo e vai dar um resultado contraproducente, cuidado.

A segunda colocação brada aos céus:

# “Controlar os custos de distribuição é cada vez mais possível”

O que é que é isso? sempre foi possível controlar os custos, todos eles e qualquer um, tudo o que se paga é mensurável, pessoalmente faço isso há 43 anos e com precisão suficiente (matemática é uma ciência exata) para poder gritar aos 7 ventos, “Não há hotéis que não deem lucro há hotéis mal administrados.” Ou dirigidos por quem não sabe fazer contas o que dá no mesmo.   Não tem como ter certeza que um empreendimento vai dar lucro se não puder determinar custos todos e os mais detalhados.

Nesta parte eu vou postar uma planilha manuscrita que tem mais de 35 anos e todos os que participaram de nossos cursos já a viram, então

Read more

E a Comunicação…

Desta época para cá mudos basicamente a velocidade com que se escreve.

Estamos em uma era, que a comunicação é cada dia mais dinâmica novas plataformas novos chats, automação daqui a pouco o e-mail vai ser comparado às cartas comuns de duas décadas, o que eu sempre tento que as pessoas entendam e isso está cada vez mais difícil, (o sucesso é dos que entenderem) é que a comunicação assim como muitos e cada vez mais criativos sistemas nas mais variadas áreas desde a nossa hotelaria, cardápios e sua engenharia, custos, controles de estoques controles de produções nas mais diversas áreas, enfim a automação e a velocidade com que as coisas acontecem, o que as pessoas estão esquecendo é que o que mudou foi a velocidade em que podemos fazer as coisas o fundamento a origem é exatamente a mesma, você não monta um sistema sem saber como fazer tudo o que ele contempla de forma manual, é impossível, por isso encontramos PMSs com dados errados, não que eles estejam errados é que quem os criou não sabe realmente como aquilo se faz.

Read more

As inovações que complicam e não levam a nada…

… ou será que levam, normalmente a demissões de pessoas que têm ou teriam um grande potencial, mas quando o contratante ouviu o galo cantar e não sabe de onde as coisas ficam, eu diria ridículas.

Vi no Linkedin um anuncio, que recortei sem identificar a origem, mas publico a seguir:

Bem esse é mais um “Cargo inovador” fui gerente geral de Hotel mais de 20 anos e nunca abri mão dessa análise, isso porque eu sempre recebi sobre resultados, mas colocam um bom coordenador de reservas ou o bom recepcionista nesta função e o que vai acontecer? – nada porque uma empresa que procura este tipo de cargo não sabe onde quer chegar.

Read more

Sobre certas previsões para 2018.

Quanto às diárias Brasil, a alta já se vem verificando, senão reparem https://goo.gl/Xt2re6  e como eu costumo dizer para chamar a atenção dos que não se debruçam tanto assim sobre os Números:

Diária média é um parâmetro e como a maioria deles muito fraco o que realmente importa não é a diária média e sim o quanto custou para atingi-la, se a sua diária média é de R$ 198,00, mas o custo de seu apartamento ocupado é de R$ 201,00 então não faz o menor sentido subir a diária sem consertar a equação, e acreditem isso é muito comum.

Quando sabemos o valor do custo de nossa UH vendida, já temos, ou deveríamos ter nele o custo de distribuição, voltamos aos custos conscientes.

Read more